Peça baseada no livro de Jorge Amado, traz a atriz Carol Castro no papel de Dona Flor, Marcelo Faria como o festeiro Vadinho e Duda Ribeiro interpretando o sério e fiel Dr. Theodoro. A peça conta com mais de 15 atores em cena e uma equipe de mais de 20 profissionais da área.

Sinopse: Durante o carnaval de 1943 na Bahia, Vadinho, um mulherengo e jogador inveterado, morre repentinamente e sua mulher, Dona Flor, fica inconsolável, pois apesar dele ter vários defeitos era um excelente amante. Mas após algum tempo ela se casa com Teodoro, um farmacêutico que é exatamente o oposto do primeiro marido. Após um ano de casamento, vivendo numa paz estável (mas tediosa), acontece algo inesperado para Flor: o fantasma de Vadinho aparece, deitado em sua cama, para satisfazer os desejos que ficaram à flor da pele desde a sua morte. Seduzida pelo fantasma de Vadinho, Flor vive um triângulo amoroso. Ela encontra o ideal do homem em dois maridos: um oferece a sensualidade, já o outro é amável e fiel. Seria ela imoral, amoral ou apenas uma mulher em busca de tudo aquilo que todas sonham: a combinação perfeita entre o prazer moleque e a segurança da maturidade.

Elenco: Carol Castro, Marcelo Faria, Duda Ribeiro, Ana Paula Bouzas, Marcello Gonçalves, Elvira Helena, Carlos André Faria, Carolina Freitas, Nelito Reis, Daniely Stenzel, Ewe Pamplona, Fabio Nascimento, Lisieux Maia, Luana Xavier, Marco Bravo
Direção: Pedro Vasconcelos
Adaptação: Pedro Vasconcelos e Marcelo Farias
Texto: Jorge Amado

Serviço:
DONA FLOR E SEUS DOIS MARIDOS
07 e 08 de maio de 2011
Sábado às 21h e Domingo às 19h
Teatro Municipal Dr. Losso Netto
Info: 3433-4952